BLOGGER TEMPLATES AND TWITTER BACKGROUNDS

domingo, 6 de dezembro de 2009

05/12

Que as cortinas se abram. Que o show comece, sem hora para acabar, sem previsão de um final feliz. Minha vez de entrar em cena. É hora. É hora, ta na hora! Se fosse possível desistir eu levantaria o braço timidamente e diria:__ei, quero ir embora.__ Mais não pode. A vida não é justa. São cenas dramáticas dignas de uma estrela esplendorosa. Digna de outro alguém. Sei citar Shakespeare, sei dizer o quanto preciso de você. Só quero o meu roteiro novamente. Sou péssima para gravar, para dizer o quanto sou insegura, só sei tremer as pernas, balançar os braços e saltitar de um canto a outro. Sinceramente eu preciso do meu roteiro. Não é muito difícil de achar, ele é chamado vida. Já ouviu falar? Simples, longo, complicado, curto, extenso, gordo, magro, bonito, feio, fácil e difícil. Se achar, por favor, me fale. Minhas pernas já estão tremulas demais. As cortinas se abriram e você esta ali na primeira fila me olhando. Não reprovando, nem rindo. Mais pesaroso. Quero gritar pra parar! Quero pular em teu pescoço e acabar com você. Mais não consigo. Não falo nem me mexo. Que estranho! Alguém por favor, me de o roteiro. O show começou. Não quero chorar, muito menos soluçar. Mais lá está você, saindo à francesa, sem ao menos dizer adeus. Como sempre. Como esta no roteiro. Que então as cortinas se fechem. Não tenho mais platéia, você se foi...

1 comentários:

Rhebeca de Moraes disse...

nossa belo texto o/
uma face do poema de chalies chaplin.
mt boom meesmo.
a proposito amei o novo visual do blog *.*
continue,
abraços!